AGENDA DA LUTA POR MORADIA

Nesta segunda-feira, 29, representantes da Frente de Luta por Moradia farão reuniões com Prefeitura de São Paulo e Ministério Público, com esperança de solução para as famílias sem-teto, principalmente para o calvários das que se encontram acampadas na frente da Câmara Municipal de São paulo, desde que foram colocadas na rua por determinação da justiça.

No dia 18 de novembro 540 famílias foram retiradas do prédio do INSS e aquelas que não tinham para onde ir acamparam na praça General Craveiro Lopes, em frente à Câmara Municipal. Na segunda-feira 22, de forma violênta, com bomba de gás, gás de pimenta e cassetetes a GCM de Gilberto Kassab expulsou da praça, as famílias com crianças, idosos e doentes, debaixo de um temporal. Desde então elas montaram acampamento na porta da Câmara aguardando solução. Na quinta-feira, 25, o acampamento com a chegada das das famílias que também foram colocadas na rua, do prédio abandonado pela Camargo Corrêa, Av. Ipiranga” 895/905 , por determinação da justiça, e sem nenhuma solução proposta pela prefeitura.

AGENDA

12:00 – Reunião FLM e Prefeitura de São Paulo – Av São João, 299 – Central de Moradia

14h00 – Reunião Prefeitura de São Paulo e Ministério Público – Rua Riachuelo, 115

1630 – Reunião Ministério Público e representantes da FLM – Rua Riachuelo, 115

Leia mais

A REINTEGRAÇÃO DE POSSE PEDIDA PELA CAMARGO CORRÊA ACONTECEU

As famílias sem-teto, que ocupavam o prédio de propriedade da Construtora Camargo Corrêa, Av. Ipiranga 895/905, foram retiradas nesta quinta-feira, conforme decisão da Justiça.

Elas estão neste momento na porta da Câmara Municipal de São Paulo aguardando resultado da reunião com representantes da Prefeitura de São Paulo, que vai ocorrer às 15hs na Central de habitação, avenida Ipiranga, 299.

Leia mais

ACAMPAMENTO NA PORTA DA CÂMARA CONTINUA E 5ª FEIRA TEM REINTEGRAÇÃO DA IPIRANGA

Hoje representantes das famílias sem-teto conseguiram um espaço na reunião da bancada do PT, para expor o problema. Também conseguiram falar com a Superintendente para Habitação Popular, da prefeitura de São Paulo, Elizabete França, que estava participando de audiência pública na Comissão de Política Urbana da Câmara. Mas ainda não houve avanços e o acampamento será mantido na frente da Câmara Municipal de São Paulo até ao menos esta quarta-feira, quando deve ocorrer uma reunião no Ministério das Cidades em Brasília.

Leia mais

NOTA DA FRENTE DE LUTA POR MORADIA SOBRE A TRUCULÊNCIA DA PREFEITURA DE SP

Dez mulheres feridas, sete homens feridos, uma senhora levada ao hospital pelo Samu, dois homens levados ao 5º DP sem motivação. Este é o saldo da violência de responsabilidade da Guarda Civil Metropolitana de São Paulo, que deixou famílias sem-teto acuadas com bombas de gás lacrimogênio, gás de pimenta e espancamentos com cassetete.

A tropa de Gilberto Kassab esperou a hora do temporal que caiu na capital paulista, na tarde desta segunda-feira, para retirar as famílias que ficaram acampadas na praça General Craveiro Lopes, em frente à Câmara Municipal, desde a manhã da quinta-feira (18), quando foram retiradas do prédio do INSS ocupado em 4 de outubro.

O Prefeito Gilberto Kassab jamais poderia fazer a reintegração sem ordem judicial. Havia uma decisão das famílias permaneceram no local até a negociação que estava agendada para quarta-feira com INSS e Ministério das cidades.

Leia mais

Muitos feridos com truculência da GCM na invasão do acampamento dos sem-teto

Tropa da GCM de Gilberto Kassab espalhou o terror entre os sem-teto acampados, com bomba de gás e violência . A tropa de Kassab esperou a hora do temporal que caiu na capital paulista, na tarde desta segunda-feira para retirar as famílias à força do acampamento na praça.. Muitas pessoas ficaram feridas, duas foram levadas para o 5º DP. As famílias retiradas do prédio do INSS e que ficaram acampadas na praça General Craveiro Lopes, em frente à Câmara Municipal desde a manhã da quinta-feira (18) estiveram ameaçadas diariamente pela GCM, neste período.
As famílias vão dormir na porta da Câmara Municipal de São Paulo para aguardar a chegada dos vereadores. A Frente de Luta por Moradia foi informada que houve acordo entre Kassab e vereadores para que a retirada fosse feita hoje, sem que eles estivessem na Câmara.
As denúncias sobre a truculência da Guarda Municipal de Gilberto Kassab estão sendo passadas também para a Anistia Internacional.
Informações; Carmen: 9680-7409
Coordenação Geral daFLM Osmar Borges: Tel: 8302-8197 ou 9516-0547

Leia mais

GT VAI SE REUNIR 11 HS PARA DISCUTIR OCUPAÇÕES DO CENTRO

Logo mais 11hs, o Grupo Técnico formado na reunião do Conselheiro Municipal de habitação, vai se reunir com representantes da Prefeitura de São Paulo e dos movimentos sociais para discutir os conflitos da ocupação do Centro. Foram convidados também INSS, CDHU, COHAB e Caixa Econômica Federal.

Na quarta-feira, 24 de novembro, representantes das ocupações têm reunião agendada, em Brasília, com Inês Magalhães, Secretária Nacional da Habitação – Ministério das Cidades. Foram convidados também Carlos Eduardo Gabas, Ministro da Previdência Social e Paulo Vanucchi Direitos Humanos.

O acampamento das famílias retiradas do prédio do INSS, av. 9 de julho, continua na Praça em frente à Câmara Municipal de São Paulo. A GCM informou que hoje vai retirá-los do local.

Leia mais